A realização virá na exata medida da sua crença.

Da semente
surge a árvore.
De uma célula,
um ser.
De uma idéia,
uma obra prima. – Onde está o limite?
Pergunta o guerreiro aflito.
– Na sua mente.
Responde sua alma.
Tudo é possível.
Tudo.
E o pobre guerreiro
segue seu dia.
Sem acreditar.
Sem tentar.
Sem sentir o invisível.
Seu desejo é crer,
sua mente não deixa… Ah! Esses sentidos
que tanto fazem e tanto limitam…
Ver, ouvir, cheirar, sentir…
Só assim ele crê.
E sua vida continua.
Nos limites do sentido.
Um dia,
com a mente em silêncio,
os limites se rompem.
E tudo se torna possível,
Tudo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *